Oficina de jogos digitais atrai estudantes durante 16ª SNCTI

25/10/2019 - 09h37

Alunos do Ensino Médio Integrado Sesi Senai do curso Técnico de Redes de Computadores e o professor de Tecnologia da Informação do Senai, Fábio Faria, ministraram a oficina 'Primeiros Passos com Jogos Digitais', na 16ª Nacional Semana da Ciência, Tecnologia e Inovação (SNCTI). Participaram da aula cerca de 40 alunos da Escola Estadual Salim Nadaf, de Várzea Grande, que conheceram os componentes típicos e vivenciaram uma experimentação prática de desenvolvimento de jogos.

De acordo com o instrutor, o objetivo foi fomentar o interesse dos jovens pela área. A apresentação contou com aspectos gerais sobre o desenvolvimento de games, a descrição de ferramentas de apoio à criação e, por fim, uma atividade prática para a criação completa de um jogo.

“O aplicativo utilizado na aula prática é o Scratch - uma linguagem de programação visual, desenvolvida pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), e que permite criar jogos, animações e histórias interativas de forma simples e intuitiva”, destacou Faria.

Ele lembra que foi a ferramenta foi, especialmente, criada para que crianças e jovens possam aprender a programar jogos e animações para internet. A ferramenta ganhou destaque entre educadores que desejam levar a linguagem computacional para a sala de aula e atualmente é utilizada em mais de 150 países. “Trabalhamos a lógica de programação com os jogos e incentivamos as futuras gerações de programadores”.

O estudante Yori Kensou Pereira, 17 anos, que está no 2º ano do Ensino Médio, foi um dos participantes da oficina e pretende, futuramente, trabalhar com programação de jogos digitais. “Um sonho que tenho. Sempre quis saber como são desenvolvidos, o que tem por trás dessa tecnologia, como funciona. A oficina foi uma oportunidade para conhecer tudo isso. Não é todo dia que temos uma oportunidade como essa”, afirmou o jovem, que teve contato pela primeira vez com a ferramenta.

O colega de sala Khelvin Gonçalves de Souza, 16 anos, também aprovou a oficina. “Eu gosto de coisas que me desafiam, de atividades que tenham movimento e energia. Gostei muito. Fomos mais estimulados a aprender, a colaborar e a criar”.

Formação

Atualmente, os interessados na área têm à disposição no Senai cursos livres, tanto na área de introdução, como também de técnicos para o Ensino Médio Integrado como Rede de Computadores e Desenvolvimento de Sistemas.

“Com os cursos técnicos, os estudantes podem trabalhar a lógica de programação e desenvolvimento, tanto de programas como de jogos digitais. O curso de Redes de Computadores é mais focado em segurança da internet, configuração de servidor, mas envolve programação também”, finaliza Faria.

Galeria de Imagens - Oficina de jogos digitais atrai estudantes durante 16ª SNCTI

Acompanhe o Sistema Fiemt nas redes sociais:

Sistema FIEMT / SENAI - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo - Cuiabá - MT / CEP 78049-940